quinta-feira, 30 de julho de 2009

Bendita normalidade

Voltei de umas pequenas férias, em que deixei a doença em casa. Ora veja-se: fui a Sevilha, suportei aquele calorão, passei um dia na Isla Mágica e andei em tudo e mais alguna coisa. Ele foi montanhas-russas, com água e sem água, ele foi quedas do Iguaçu, ele foi rafting... E dores? Nem Vê-las! Andei sempre com as costas direitinhas, com muito cuidado. Enjoos? Nem neles pensei...
Só não tive coragem para ir ao concerto do Bruce, a razão que nos levou lá. Disso sim, tive medo, as multidões assustam-se. Não se nota, mas numa emergência em que seja preciso mostrar os meus actuais dotes físicos, a minha mobilidade só pode ser miserável... Mas, para provar que ainda estou cá para as curvas, fiquei no hotel com a criançada, e aguentei bem os actos de selvajaria de que crianças dos 7 aos 9 anos são capazes. E consegui que passassem dos pulos às Nintendos, das Nintendos à cama e, por fim, que adormecessem. Notável, não é?
Agora voltei a casa, vou regressar ao trabalho e, durante mais uma semana e picos, espero continuar a poder sonhar que está tudo normal na minha vida. Sabe tão bem...

Beijos, beijos
T.

P.S. Um beijo especial à Maguie, que está na ressaca da sua ÚLTIMA quimio. Força!!

7 comentários:

Madalena disse...

Boa, Teresa! Só de ler a normalidade radical, já fiquei com a cabeça às voltas. lol. Beijinhos

maguie disse...

que bom!!!! ferias em grande, e esquecermo-nos do que vem a seguir é optimo, por isso sempre que me passa a ressaca não me canso de passear, faz tão bem á alma e esquecemono-nos da nossa condição.

estou no segundo dia de ressaca felizmente da ultima, estou melhorzita, obrigado pelo carinho

beijinhos

Maguie
..

Anónimo disse...

Que bom mana que aproveitaste e te divertiste!!1 Estou aqui cheia de inveja a pensar nessas montanhas russas...
Esta semana vão ser só sonhos, muito muito bons!!!
Beijos grandes mana Grande
m

beatriz disse...

Tu és uma "ganda maluca"! jura que foste naquele elevador que despenca?! odeio todas essas coisas ! morro de medo só de ver! que bom que é ler-te assim animada!
Um beijo grande

Teresa disse...

Linda Teresa
Também sou Teresa e marinheira de duas viagens pelas tortuosas vielas do cancro da mama. Estou em recuperação de 6 sessões de quimio e 25 de radio, após cirurgia para retirada de 15 nódulos (4 afectados). Já fiz uma mastectomia radical na mama esquerda e agora..foram os gânglios da direita, sem lesão visível, na direita. Passou tudo, acabou tudo..agora é para a frente, sempre a subir!! Estou a fazer herceptin e hormonoterapia. Enfim....mas tudo voltou à normalidade e não tarda nada tou a trabalhar novamente. Força....que estar pela segunda vez a passar por tudo isso é dose para gente muito forte! somos fortes, heheheh!
Um abraço grande e...tenho curiosidade nessa da touca de frio...resultou?? o cabelo não caiu??

Teresa disse...

Olá, Teresa, obrigada pela visita. Não, até agora ainda não caiu cabelo nenhum, mas ainda não chegou o momento, é só na próxima semana que se pode tirar alguma conclusão.
Eu tenho "exuberantes" metástases ósseas, em vários pontos do esqueleto e a minha luta é mesmo impedir a progressão disto. Penso que nem sequer consideram tirar a mama... Vamos ver no que isto dá. Estou com esperança, há pessoas que vivem com estas lesões ósseas por muito tempo, espero ter essa sorte.
Um beijo. A todos.
T.

Teresa disse...

espero que consigas travar o avanço dessas ranhosas metástases. Eu tb não tirei a mama direita, porque não se consegue detectar a doença nessa mama. Como sou grande candidata a mais quimios....conta-me lá pormenores dessa touca....pleaaaase, pois já fiquei sem cabelo duas vezes... mais uma e fico definitivamente careca!!!!
Beijocas (tenho 51 e a doença na mama esquerda apareceu-me em 2006, a da direita em Out de 2008)
Teresa