sábado, 4 de outubro de 2008

Dormir, dormir, dormir


Sempre dormi pouco, menos ainda durante o dia. Na verdade, não apreciava esse prazer, queria descansar e acordar depressa. Not anymore. E hoje foi um dia glorioso nesse capítulo. Apesar do belo tempo que esteve, passei o dia em casa e toda a tarde sozinha. A Joana foi a uma festa de anos nas Azenhas do Mar, o Júnior tinha trabalho exactamente no mesmo sítio e quase à mesma hora (ainda dizem que não há coincidências), a João foi à vida dela e... voilá, uma tarde de crimes na TV com aquelas fantásticas séries do AXN, verdadeiros pedaços de terror, de que a nossa Ritinha me fez fã. No meio de tanta maldade, adormeci e só voltei a acordar umas valentes horas depois quando o solinho já tinha ido, também ele, dormir. Antigamente (até aos últimos dias de Agosto) isso ter-me-ia deixado deprimida, mas agora foi ma-ra-vi-lho-so!

Assim se justifica a falta de interesse deste relato que serve apenas para dizer que está tudo bem comigo. Não fora de vez em quando lembrar-me de que uma guerra terrível se deve estar a passar dentro do meu corpo, e tudo seria normal.

Beijos,
T.

P.S. A foto é da bela paisagem do sofá para a televião...

5 comentários:

jorge disse...

Tenho lido o blog todos os dias, mas nem todos deixo mensagens pois muitas vezes, como hoje não sei o que dizer. Mas gostei de ler o último relato dormir dormir dormir e o anterior.
Continue assim que vai conseguir vencer, e não se esqueça a fé está dentro de nós!!!!!!!

Um grande abraço para VOCÊS!!

Ninia disse...

E depois da bela sesta, a Ninia fez mais uma vez o jantar (dois dias seguidos!).

Anónimo disse...

dorme dorme...
não há melhor programa a fazer no fim de semana, pelo menos um dia... também gosto e das series da fox também...;-)
amanhã pelo menos duas horas vais ter que acordar...
Beijosss
m

Anónimo disse...

ah e vê lá mas é o que andas a comer...:-)
às vezes mais vale ter um pouco de trabalho do que ser sujeita a certas coisas, mesmo que sejam feitas com boa vontade...;-)
m

pocahontas disse...

Beijos e força da minha avó, avô, mãe, tia, irmã. E muitos meus!!!