quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Quem espera desespera

Nada de novo. Horas e horas de espera no SFX com milhões de pessoas para consultas, tratamentos e sei lá mais o quê. Ainda não me habituei que esperar é, nestes casos, o normal. Espera-se até ao desespero. É a vida de quem necessita... Como faz o pobre que precisa da sopa oferecida e enfrenta as filas ao frio e à chuva, estes doentes, como aliás outros, precisam do sistema para sobreviver. E quando finalmente nos atendem, nem um pio. Contava uma senhora que, após cinco horas de espera, desabafou com a médica, um simples "ai, sôtora, isto hoje demorou". "Acha que sim? Então agora espera mais um bocado que eu vou almoçar", foi a resposta que conta ter levado. Os médicos são poucos, os doentes cada vez mais (confirmou-me a minha médica) e o stresse sobra para todos.
Hoje tive a sorte do meu enfermeiro-chefe ter aguentado a seca comigo e a coisa fez-se com tranquilidade.
Quanto à consulta propriamente dita, o que realmente deve interessar, nada de novo. Vou fazer as seis sessões de quimio, entretanto começo os exames - TACs, ressonâncias, e tal e tal - e lá para meados de Novembro decide-se o que virá a seguir.
Beijos, beijos, estou com a cabeça a cair para cima do computador.
T.

7 comentários:

Ninia disse...

Aguenta firme. Se há alguém que consegue, és tu! Seja o que for.

Madalena disse...

Olá Teresa!!!!!
A reacção da médica foi muito pouco profissional e muito pouco humana. Mas, como nós sabemos, há de tudo.
Ontem alguém perto de ti ficou contente com o verde do Liedson (???)! Cá em casa, exultaram.
A propósito de cair com a cabeça em cima do computador: uma amiga minha diz que acordava com as teclas marcadas na testa! Achei inacreditável, na altura, mas agora, que já quase me aconteceu, eu acredito.
Beijinhos e até mais logo nas nossas "farms".

Natália disse...

OLÁ TERESA.

Comece fazendo o que é necessário.
Depois o que é possivel.
E de repente você estará fazendo o impossivel.

(SÃO FRANCISCO DE ASSIS)

Beijinhos

Anónimo disse...

Realmente... é o país que temos... :(
Em Novembro, se Deus quiser, as notícias hão-de ser boas, até lá vamos esperar...
Novembro, já está quase... quando quiseres vou contigo levar seca.
Beijos muito grandes mana Grande
m

TeresaM disse...

Amiga
Vais fazer 6 sessões?? mais 6 ou já vais a caminho da quarta dessas 6? é que se vais para a 4.ª...estás quase a acabar...
Quanto à espera, tenho a sorte de nunca esperar muito mas, vou à hora que as enfermeiras me dizem, pois como já contei, no último tratamento fui 3 vezes seguidas...para voltar no dia seguinte! Sou e eu sei, uma sortuda!!
Essa médica, acredito que estivesse desesperada de cansaço, pois se não estava, além de bruta - será sempre, mesmo cansada, é estúpida e insensível! Como a Madalena diz, há de tudo. Só posso dar uma opinião, do lado de "cá", na qualidade de mulher dum médico: o cansaço deles é muito, trabalham muito, as horas de banco, são muitas e seguidas, exigem demasiado deles. Nada desculpa que descarreguem nos doentes, mas acho que se tornam frios e distantes do sofrimento humano quando ficam "zombis" com o trabalho! É uma profissão (como tantas outras) que rouba muito tempo à família, ao descanso. Devia haver mais médicos para que atitudes como a dessa médica fossem possíveis de punir, sem apelo nem agravo! Assim, ela sempre se poderá desculpar com o cansaço e ninguém a suspende porque precisam dela...E com a Gripe A a rondar-nos a porta, as coisas ainda se vão complicar mais.. Para além de que quem faz quimio não deveria esperar nunca numa sala de espera, por todas as razões até mesmo médicas!!!!
Um grande beijinho e obrigado por dares notícias

Anónimo disse...

Esqueci-me de dizer à Natália: adorei a sua citação, aplica-se lindamente a estas nossas cabecinhas!
Beijinhos
TeresaM

Anónimo disse...

Olá Teresa, hoje só vim mesmo para te dar um beijinho, porque também estou a cair para cima das teclas.Ontem com a inauguração do museu deitei-me muito tarde e tive de me levantar cedo. Estou podre de cansaço e de dores nas costas da porcaria dos saltos altos.
Muitos beijos grandes
São